Cês também tão achando que tem uma energia nova no ar? As crianças não são mais como nós fomos. Não toleram mais respostas de uma palavra só, cada vez mais reivindicam seus lugares na construção familiar. Mas isso a gente já sabe faz um tempinho. Eu quero falar mesmo é do choque nos relacionamentos. No macro, assistimos uma revolução mundial. Tá tipo lado A, lado B, todo mundo berrando para defender o próprio ponto de vista. Mas também não é só no macro. Na sua casa você tá sendo obrigadx a reconstruir sua relação com o seu parceirx? Sei. Não tá conseguindo manter os velhos paradigmas de relacionamento familiar? Aham. Tudo tá estranho, tipo ninguém é mais o mesmo? É isso. Uma amiga ouviu de um amigo um resumo do que eu, na minha singela opinião, tenho convicção que está acontecendo. O velho já não serve mais. O problema é que a gente ainda não conhece o novo.
.
Sim, precisamos construir uma nova ordem social. No Planeta Terra. Mas também na nossa própria casa. Tanto faz se a lua nova tá em áries, em gêmeos ou em touro. O momento é de intuição, transformação, realização. Renovação. A gente precisa reconstruir. A gente, eu no caso. A revolução é de dentro da fora. Dentro de cada um. Quando a gente muda o mundo muda com a gente. É clichê mas é verdade.
.
Mudar dói, né?. Dói pra caralho. (Foi mal a palavra mas é a melhor no meu dicionário pessoal para potencializar qualquer coisa.) Muitas vezes é mais fácil negar. Eu????? Eu não sou assim. Será que não? Também é super confortável colocar a culpa no outro. Mas você bla bla bla. Minha primeira reação é tipo essa, olho pro lado e jogo a culpa pra quem tá passando pela minha frente na hora. Só que não tá dando mais para se manter nessa zona confortável. O tempo tá voando, a energia da transformação tá se fortalecendo cada vez mais, os relacionamentos estão acabando. Amigos estão parando de se falar por causa de política. Casamentos estão acabando porque ninguém quer lavar a louça. Pais e filhos não conseguem dialogar. Eu não quero pagar pra ver.
.
Tô fazendo assim: me responsabilizando. Pelo que me cabe. Se responsabilizar é diferente de se culpar. A culpa te joga no buraco, a responsabilidade faz você pular o buraco. É um exercício diário (e para o resto da vida) de auto conhecimento. É se livrar de crenças e padrões seculares. É olhar pra dentro e abraçar as feridas. É se amar mesmo errando o caminho de volta pra casa. É confiar no universo, é receber 100% do amor de Deus.
.
Eu acredito de fato que não precisamos mudar todo o mundo. Precisamos mudar nós mesmos. Se cada indivíduo fizer sua tarefa de casa, a mudança vem em efeito dominó. Vamos todo mundo? Vamos fazer essa reflexão todo dia? Vamos praticar compaixão e empatia? Vamos parar de jogar papel na rua? Vamos consumir com consciência? Vamos ser presença e afeto na vida dos filhos? Vamos abaixar para falar com uma criança? Vamos parar de disputar quem vai estender a roupa na corda? Eu vou, toca aqui.

 

Processed with VSCO with f2 preset
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: