Era um grupo de estudo. Toda semana nos encontramos e estudamos formas de construir o paraíso interior. Tem temas pré definidos, tem apostila, tem contextualização de paradigmas mundiais, é sensacional. Tem um monte de dicas para ser um mundo melhor. Número 1, gratidão em qualquer circunstância. Número 2, pensamento no positivo sempre. Número 3, a era do luz tá bem próxima. Mas toda vez que a palavra corrupção ou sociedade ou economia ou política aparece no projetor a gente chora as mágoas até não poder mais.

Porque brasileiro é corrupto, porque no Brasil só dá para comprar parcelado, porque quando tinha aulas de moral e cívica a gente aprendia a ser cidadão, porque na Noruega as crianças tem aula de costura, de culinária, de um monte de coisa que faz a gente ser gente, porque a Dinamarca é a melhor qualidade de vida do mundo. Porque a gente insiste em acreditar que a solução está do lado de fora?

Não é patriotismo não. Isso aqui não é um desagravo ao Brasil. É só uma defesa do aqui e agora. Enquanto reclamamos, esquecemos de acompanhar o mandato do deputado em que votamos. Você ainda lembra o nome dele? Enquanto não fazemos um planejamento financeiro e compramos mais do que o orçamento permite não sobra nada no fim do mês para a poupança. Enquanto apontamos o dedo para os filhos dos outros, esquecemos de ensinar aos nossos como se faz para conviver no coletivo. Enquanto invejamos aulas de culinária no país vizinho, não cozinhamos com as crianças porque suja a cozinha toda.

O capitalismo é focado na escassez mas dentro das nossas casas podemos focar na abundância. Podemos construir um mundo novo num exercício diário de questionamento e observação. Não estou falando que é fácil. Não! É difícil pacas. Mas tem que ter um ponto de partida. Que pode ser agora. Se a gente finalmente aceitar que estamos exatamente onde devemos estar. Obrigada, universo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: